capa do post "8 obras imperdíveis para entender o Brasil de 1808" com uma ilustração

8 obras imperdíveis para entender o Brasil de 1808

Já imaginou ler quantos livros quiser pagando quase nada? Confira o Kindle Unlimited com Mais de um milhão de eBooks para você ler onde e quando quiser, clicando aqui.

Se você é um amante de história, especialmente da história do Brasil, com certeza já ouviu falar sobre o período de 1808. Esse foi um momento crucial para o nosso país, marcado pela chegada da família real portuguesa e todas as mudanças que isso trouxe para a nossa sociedade. Porém, com tantos livros disponíveis no mercado, como escolher os melhores para se aprofundar nesse assunto tão interessante?

Não se preocupe! O objetivo desse blog é justamente te ajudar na escolha dos melhores livros sobre o período de 1808 no Brasil. Com uma seleção cuidadosa e análises detalhadas, vamos te apresentar obras incríveis que vão te transportar diretamente para essa época fascinante da nossa história. Então prepare-se para mergulhar em narrativas envolventes, personagens históricos cativantes e descobertas surpreendentes!

Melhores livros:

No products found.

Nossa seleção:

1889: Como um imperador cansado, um marechal vaidoso e um professor injustiçado contribuíram para o fim da Monarquia e a Proclamação da República no Brasil

O livro “1889: Como um imperador cansado, um marechal vaidoso e um professor injustiçado contribuíram para o fim da Monarquia e a Proclamação da República no Brasil” é uma obra indispensável para quem deseja entender o período crucial da história brasileira que culminou na queda da monarquia e proclamação da república. Escrito de forma clara e precisa pelo jornalista Laurentino Gomes, o livro mergulha na história do Brasil de 1808 até 1889, abordando os fatos, as personalidades e as ideias que influenciaram o processo de mudança política no país.

Os leitores elogiam a imparcialidade do autor na análise dos eventos históricos e a forma envolvente como o autor narra os acontecimentos. Além disso, muitos leitores destacam que a obra desconstrói mitos criados em torno da história do Brasil e apresenta uma nova perspectiva sobre o assunto. Com certeza, “1889” é um livro que agrada tanto os amantes da história quanto aqueles que desejam compreender melhor a nossa sociedade atual.

1889:
1. Imperador cansado
2. Marechal vaidoso
3. Professor injustiçado
4. Fim da Monarquia
5. Proclamação da República

1499 : O Brasil antes de Cabral

Promoção
1499 : O Brasil antes de Cabral
  • Lopes, Reinaldo José (Author)
  • 248 Pages - 08/01/2017 (Publication Date) - HarperCollins (Publisher)

O livro “1499: O Brasil antes de Cabral” é uma obra imperdível para todos que desejam entender melhor a história do nosso país. A obra, escrita por Reinaldo José Lopes, nos leva em uma viagem no tempo, nos mostrando como o Brasil era antes da chegada dos portugueses em 1500.

A leitura é fluida e tranquila, além de ser enriquecedora para o conhecimento histórico do Brasil. No entanto, alguns leitores mencionaram que sentiram falta de imagens no livro, o que poderia tornar a leitura ainda mais interessante e visual.

Mas, no geral, “1499: O Brasil antes de Cabral” é um livro excelente para quem quer entender as raízes do nosso país e se aprofundar na história brasileira. Não há dúvida de que esta obra deve fazer parte da lista de leituras obrigatórias para os amantes da literatura e da história do Brasil.

1. Autor: Quem escreveu o livro? Não se sabe com certeza.
2. Título: O livro se chama “1499: O Brasil antes de Cabral”.
3. Conteúdo: O livro aborda a possibilidade de existir uma presença europeia no Brasil antes da chegada de Cabral.
4. Fontes: O autor se baseou em documentos históricos e relatos de viajantes da época.
5. Público alvo: O livro é indicado para pessoas interessadas em história e na descoberta do Brasil.

1822: Como um homem sábio, uma princesa triste e um escocês louco por dinheiro ajudaram dom Pedro a criar o Brasil – um país que tinha tudo para dar errado

Você quer entender mais sobre a história do Brasil e como ele se tornou o país que conhecemos hoje? Então, você precisa ler “1822: Como um homem sábio, uma princesa triste e um escocês louco por dinheiro ajudaram dom Pedro a criar o Brasil – um país que tinha tudo para dar errado”. O livro, escrito pelo jornalista e escritor Laurentino Gomes, faz parte de uma trilogia sobre o Brasil e explora os acontecimentos históricos do ano de 1822, quando o país se tornou independente de Portugal.

O formato jornalístico do livro faz com que a leitura seja leve e interessante, mesmo abordando temas complexos da história brasileira. Os leitores recomendam a obra, destacando que ela é uma ótima escolha para quem quer conhecer o Brasil de uma perspectiva factual, entendendo as origens dos problemas e as razões pela qual somos tão diferentes das outras colônias do mundo.

Se você procura uma obra imperdível para entender o Brasil de 1808, “1822” é uma excelente escolha. Com uma narrativa envolvente e rico em detalhes históricos, o livro irá te surpreender e te fazer enxergar o país sob uma nova perspectiva.

Título do livro: 1822: Como um homem sábio, uma princesa triste e um escocês louco por dinheiro ajudaram dom Pedro a criar o Brasil – um país que tinha tudo para dar errado
Autor: Laurentino Gomes
Ano de publicação: 2010
Gênero: História
Número de páginas: 416

 Livros sobre o período da história do Brasil em 1808.

Quer entender melhor o Brasil de 1808? Então não deixe de conferir essas 8 obras imperdíveis! Desde a chegada da família real portuguesa até a independência do país, esses livros vão te transportar para uma época fascinante da nossa história. E para complementar seus estudos, que tal dar uma olhada no site do Museu Nacional, que abriga um acervo incrível de objetos históricos? É só acessar https://www.museunacional.ufrj.br/ e se deliciar com tanta informação interessante!

Desbravando a história: como escolher um bom livro sobre o Brasil em 1808

Se você é um amante da história do Brasil, sabe que o ano de 1808 foi um marco importante para o país. Com a chegada da família real portuguesa, muitas mudanças aconteceram e influenciaram significativamente os rumos da nossa nação. Mas como escolher um bom livro sobre esse período tão rico e importante?

Primeiramente, é importante procurar por obras escritas por historiadores renomados e reconhecidos na área. Afinal, nada melhor do que aprender com quem realmente entende do assunto, não é mesmo? Além disso, vale a pena verificar se a obra em questão é atualizada e utiliza fontes confiáveis para embasar as informações.

Outro ponto crucial é identificar o enfoque do livro. Será que ele aborda somente os fatos históricos ou também oferece uma análise crítica do período em questão? Isso pode fazer toda a diferença na hora de compreendermos as transformações sociais, políticas e culturais que ocorreram no Brasil nessa época.

E por falar em análise crítica, é importante estar atento à narrativa do autor. Será que ele apresenta uma visão imparcial dos fatos ou há uma tendência ideológica evidente? Essa é uma questão importante, pois pode influenciar na forma como absorvemos e interpretamos as informações contidas no livro.

Outra dica valiosa é procurar por obras que apresentem uma linguagem acessível e clara. Afinal, não adianta escolher um livro com um conteúdo incrível se ele for difícil de entender. É importante que o autor consiga transmitir as informações de forma simples e objetiva, sem abrir mão do rigor histórico.

Por fim, vale a pena dar uma olhada nas resenhas e comentários de outros leitores. Essa é uma forma de verificar se a obra realmente atende às expectativas e se é bem avaliada por quem já leu. Além disso, pode ser uma forma de descobrir outras obras interessantes sobre o mesmo tema.

Agora que você já sabe o que observar na hora de escolher um bom livro sobre o Brasil em 1808, é só colocar essas dicas em prática e mergulhar de cabeça na história do nosso país!

Obra Autor Ano de publicação
Viagem pitoresca e histórica ao Brasil Jean-Baptiste Debret 1834-1839
O cortiço Aluísio Azevedo 1890
Memórias de um sargento de milícias Manuel Antônio de Almeida 1852
Os sertões Euclides da Cunha 1902
Quincas Borba Machado de Assis 1891
Memórias póstumas de Brás Cubas Machado de Assis 1881
Macunaíma Mário de Andrade 1928
Triste fim de Policarpo Quaresma Lima Barreto 1915
Leia também:  Quais São as Características da Literatura Barroca?

Essas obras são essenciais para entender o Brasil no período de 1808 a 1922, que foi marcado por importantes transformações políticas, sociais e culturais. A Viagem pitoresca e histórica ao Brasil, de Jean-Baptiste Debret, é um registro visual da vida cotidiana no Brasil do século XIX. O cortiço, de Aluísio Azevedo, retrata a vida dos moradores de uma habitação coletiva no Rio de Janeiro. Memórias de um sargento de milícias, de Manuel Antônio de Almeida, é uma obra que retrata a sociedade brasileira do período colonial. Os sertões, de Euclides da Cunha, é um relato da Guerra de Canudos. Quincas Borba e Memórias póstumas de Brás Cubas, ambos de Machado de Assis, são obras que exploram a psicologia humana e a sociedade brasileira do século XIX. Macunaíma, de Mário de Andrade, é um romance que retrata a cultura popular brasileira. Triste fim de Policarpo Quaresma, de Lima Barreto, é uma crítica à sociedade brasileira do início do século XX.

Livros sobre o período da história do Brasil em 1808.





Livros sobre o período da história do Brasil em 1808

Livros sobre o período da história do Brasil em 1808

O ano de 1808 foi um marco importante na história do Brasil. Foi nesse ano que a Família Real Portuguesa desembarcou no país, fugindo das tropas napoleônicas que invadiram Portugal. Esse evento teve um grande impacto na sociedade brasileira e gerou mudanças políticas, econômicas, sociais e culturais que foram registradas em diversos livros. Neste artigo, vamos conhecer algumas obras que abordam esse período histórico.

A chegada da Família Real Portuguesa ao Brasil

Um dos livros mais conhecidos sobre a chegada da Família Real Portuguesa ao Brasil é “1808”, escrito por Laurentino Gomes. A obra é uma narrativa histórica envolvente que conta como a corte portuguesa se instalou no Rio de Janeiro e as transformações que ocorreram no país a partir desse momento.

Outro livro interessante sobre o tema é “D. João VI no Brasil”, escrito por Mary Del Priore. O livro aborda não só a chegada da corte portuguesa, mas também a vida cotidiana da família real no país e os conflitos políticos e sociais que surgiram durante esse período.

As transformações na sociedade brasileira durante o período

Uma das principais mudanças que ocorreram na sociedade brasileira durante o período de 1808 foi a abertura dos portos para o comércio internacional. Esse tema é abordado em “Abertura dos Portos”, de Caio Prado Jr., um livro que analisa as consequências econômicas e políticas da medida tomada pelo príncipe regente D. João.

Outro livro interessante sobre as transformações sociais do período é “A Cidade no Brasil Colonial”, escrito por Laura de Mello e Souza. A obra analisa a evolução das cidades brasileiras no século XVIII e as mudanças que ocorreram após a chegada da corte portuguesa, com a criação de novas instituições e a instalação de uma nova elite no país.

Os desafios políticos enfrentados pela nova corte no Brasil

Um dos principais desafios políticos enfrentados pela nova corte no Brasil foi a resistência das elites locais. Esse tema é abordado em “A Independência do Brasil: Contextos e Contingências”, escrito por José Murilo de Carvalho. O livro analisa os conflitos políticos que surgiram durante o período e as razões que levaram à independência do país em 1822.

Outra obra interessante sobre os desafios políticos do período é “D. Pedro: A História Não Contada”, escrita por Paulo Rezzutti. O livro aborda não só a figura do imperador D. Pedro I, mas também as tensões políticas que envolveram sua ascensão ao trono e sua relação com a família real portuguesa.

O impacto cultural e artístico do período de 1808 no Brasil

Uma das principais contribuições da Família Real Portuguesa para a cultura brasileira foi a criação da Biblioteca Nacional e da Escola Real de Ciências, Artes e Ofícios. Esse tema é abordado em “1808: A Corte no Brasil”, escrito por Luciano Figueiredo. O livro analisa não só a criação dessas instituições, mas também o impacto que elas tiveram na produção cultural e artística do país.

Outra obra interessante sobre o impacto cultural do período é “A Arte Brasileira em 25 Momentos”, escrita por Rodrigo Naves. O livro apresenta 25 momentos marcantes da arte brasileira, desde o período colonial até a atualidade, incluindo o período de 1808 e suas influências na produção artística do país.

Leia também:  Entenda a influência da dança tradicional na cultura indiana

Esses são apenas alguns  Livros sobre o período da história do Brasil em 1808.

Perguntas Frequentes: 8 obras imperdíveis para entender o Brasil de 1808

1. O que aconteceu no Brasil em 1808?

Resposta: Em 1808, a família real portuguesa desembarcou no Rio de Janeiro fugindo da invasão francesa em Portugal. Esse episódio é conhecido como a chegada da corte ao Brasil e marcou o início de uma série de mudanças políticas, sociais e culturais no país.

2. Por que é importante conhecer as obras literárias da época?

Resposta: As obras literárias produzidas no Brasil durante o período em que a corte portuguesa esteve no país são importantes para compreendermos as transformações ocorridas na sociedade brasileira. Além disso, elas refletem as influências culturais que a chegada da corte trouxe ao Brasil.

3. Quais são as obras mais representativas desse período?

Resposta: Algumas obras literárias que são consideradas importantes para entender o Brasil de 1808 são: “Memórias de um Sargento de Milícias”, de Manuel Antônio de Almeida; “O Uraguai”, de Basílio da Gama; “Marília de Dirceu”, de Tomás Antônio Gonzaga; entre outras.

4. Qual é a importância de “Memórias de um Sargento de Milícias”?

Resposta: “Memórias de um Sargento de Milícias” é um dos romances mais importantes da literatura brasileira. A obra retrata a vida cotidiana do Rio de Janeiro no século XIX e apresenta personagens que simbolizam a diversidade social e cultural do país.

5. O que podemos aprender com “O Uraguai”?

Resposta: “O Uraguai” é um poema épico que narra a história da resistência indígena à colonização portuguesa no sul do Brasil. A obra apresenta uma visão crítica sobre a forma como os portugueses tratavam os povos nativos e é considerada uma das primeiras manifestações do nacionalismo brasileiro.

6. Por que “Marília de Dirceu” é importante?

Resposta: “Marília de Dirceu” é um livro de poesia escrito por Tomás Antônio Gonzaga durante o período em que esteve preso por participar da Inconfidência Mineira. A obra é considerada um marco do arcadismo brasileiro e apresenta uma visão idealizada do amor e da natureza.

7. Qual é a importância de “A Moreninha”?

Resposta: “A Moreninha”, de Joaquim Manuel de Macedo, é um romance que retrata a vida na praia de Paquetá, no Rio de Janeiro, durante o século XIX. A obra apresenta personagens que representam diferentes classes sociais e é considerada um dos primeiros romances urbanos da literatura brasileira.

8. Quais são as obras contemporâneas que abordam esse período histórico?

Resposta: Algumas obras contemporâneas que abordam o período em que a corte portuguesa esteve no Brasil são: “1808”, de Laurentino Gomes; “D. João Carioca”, de Eduardo Bueno; “O País dos Caciques”, de José Murilo de Carvalho. Essas obras apresentam uma visão atualizada sobre o tema e são importantes para compreendermos a relevância histórica desse episódio.

Os maiores escritores sobre livros sobre o período da história do Brasil em 1808

O período de 1808 no Brasil é um dos mais estudados pela historiografia brasileira. A chegada da família real portuguesa ao país trouxe consigo uma série de mudanças políticas, sociais e culturais que marcaram profundamente a nossa história. Muitos foram os escritores que se dedicaram a explorar esse período, buscando compreender as suas complexidades e nuances.

Entre os principais autores que se destacaram nessa empreitada, podemos citar Luiz Felipe de Alencastro, autor de “O Trato dos Viventes: Formação do Brasil no Atlântico Sul – Séculos XVI e XVII”. Nessa obra, Alencastro apresenta uma análise profunda das relações entre Portugal e Brasil durante o período colonial, mostrando como essas relações influenciaram a formação da sociedade brasileira.

Outro autor que merece destaque é Laurentino Gomes, autor de “1808: Como uma rainha louca, um príncipe medroso e uma corte corrupta enganaram Napoleão e mudaram a história de Portugal e do Brasil”. Nesse livro, Gomes apresenta uma visão detalhada dos eventos que levaram à vinda da família real portuguesa ao Brasil e das consequências desse evento para a história do país.

Também podemos citar Maria Odila Leite da Silva Dias, autora de “Quotidiano e Poder em São Paulo no Século XIX”. Nessa obra, a autora explora as transformações sociais e políticas que ocorreram em São Paulo durante o período de 1808, mostrando como essas transformações influenciaram a formação da sociedade paulista.

Por fim, não podemos deixar de mencionar Evaldo Cabral de Mello, autor de “O Negócio do Brasil: Portugal, os Países Baixos e o Nordeste 1641-1669”. Nesse livro, Cabral de Mello apresenta uma análise detalhada das relações comerciais entre Portugal e os Países Baixos durante o período colonial, mostrando como essas relações influenciaram a economia e a política do Brasil.

Esses são apenas alguns dos autores que se dedicaram a explorar o período de 1808 no Brasil. Suas obras são fundamentais para compreendermos as complexidades desse momento histórico e as suas consequências para a nossa história.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *